13 profissões em alta no Espírito Santo

Ao escolher um curso superior, além de avaliar se temos afinidade com a área escolhida, é preciso analisar a possibilidade de crescer na carreira. Saber quais profissões estão em alta ajuda a fazer a escolha certa. 

O mercado de trabalho é bastante concorrido, por isso é fundamental ter o diploma de um curso que ofereça várias oportunidades para o formado.

Neste post, vamos destacar 13 carreiras em ascensão, principalmente no estado do Espírito Santo. Analise as características de cada uma e escolha aquela que mais se encaixa no seu perfil!

1. Engenharia de Petróleo

É uma carreira voltada para métodos e tecnologias envolvidos na cadeia de produção de petróleo, gás natural e biocombustível. O engenheiro de petróleo atua desde a etapa de exploração de poços até a comercialização do recurso.

Ainda é pequeno o número de profissionais especializados nesse setor, por isso a empregabilidade nessa carreira é alta em toda a costa brasileira, principalmente em refinarias, indústrias do segmento, plataformas marítimas e petrolíferas.

Uma habilidade interessante para quem deseja alcançar boas posições nessa área é o domínio de idiomas estrangeiros. Como a profissão é muito ligada ao mercado internacional, saber falar outra língua é considerado um diferencial — na maior parte dos casos, a fluência do inglês é mais valorizada.

Duração do curso: 5 anos.

2. Arquitetura e Urbanismo

Outra profissão em alta é vinculada ao curso de Arquitetura e Urbanismo. A vantagem dessa graduação está nos diferentes segmentos que o profissional pode atuar, entre eles:

  • urbanismo e paisagismo;

  • projetos de edificação;

  • acompanhamento de obras;

  • elaboração de planos diretores;

  • planejamento de sistemas viários, tráfego e sinalização;

  • estudos de impacto e viabilidade ambiental.

O arquiteto e urbanista deve exercer a sua criatividade em consonância com as necessidades dos seus clientes, procurando oferecer originalidade e segurança em seus projetos. A sustentabilidade é uma das grandes tendências do ramo.

Duração do curso: 5 anos.

3. Engenharia Biomédica

É uma ocupação relativamente nova, mas com um bom campo de atuação. A Engenharia Biomédica tem papel-chave em clínicas e hospitais, pois trabalha no projeto, no gerenciamento e na manutenção de equipamentos odonto-médico-hospitalares.

O biomédico também pode atuar na indústria com projeto e desenvolvimento de equipamentos voltados para o setor médico-hospitalar ou, ainda, prestando consultoria.

O fato de estar aliado à área da saúde é uma boa vantagem, visto que se trata de um setor que recebe incentivos constantes, por estar diretamente ligado ao bem-estar da população.

Duração do curso: 5 anos.

4. Engenharia Civil

O mercado de trabalho para a Engenharia Civil é bastante abrangente — o profissional pode trabalhar em todas as fases de um empreendimento, desde o projeto, passando pela escolha de materiais, pela administração de mão de obra e pelo planejamento hidráulico, até na supervisão dos padrões de qualidade e segurança.

O engenheiro civil ainda pode atuar com pesquisa e desenvolvimento de máquinas e equipamentos, processos industriais e logística. Ainda que haja certa vulnerabilidade de acordo com os momentos de crise, esse tipo de profissional é muito requisitado e primordial para a economia do país como um todo.

Duração do curso: 5 anos.

5. Engenharia de Automação e Controle (Mecatrônica)

A Engenharia de Automação e Controle trabalha com projeto e desenvolvimento de sistemas de automação, voltados para os mais diferentes setores, como indústria de base, indústria automobilística, informática, saúde e segurança.

O profissional também pode empreender, ou seja, montar o próprio negócio — na área de automação residencial, por exemplo, no desenvolvimento de sistemas robóticos para as indústrias ou no estabelecimento de saúde. Ser o seu próprio chefe pode ser uma opção mais flexível e permite diversificar os clientes, garantindo uma renda maior.

Duração do curso: 5 anos.

6. Engenharia da Computação

A Engenharia da Computação é uma das profissões em alta no Espírito Santo, estado que vive uma intensa atividade empresarial, com muitas companhias voltadas para o mercado externo. Essas empresas absorvem o profissional da área, que pode atuar nas mais variadas funções, como:

  • coordenação, projeto e segurança de sistemas e redes de computadores;

  • gerenciamento de processos de automação industrial;

  • projeto, desenvolvimento e manutenção de sistemas de softwares;

  • gerenciamento de centros de processamento de dados.

Duração do curso: 5 anos.

7. Sistemas de Informação

A graduação em Sistemas de Informação é uma formação técnico-científica que prepara o profissional para o planejamento e para o desenvolvimento de sistemas de informação e automação.

A carreira permite atuar como programador, administrador de redes e de banco de dados, consultor em segurança da informação, analista de suporte técnico e web developer, entre outras funções.

O profissional pode trabalhar no setor público ou privado, em empresas de qualquer porte e segmento. Também pode optar por oferecer consultoria especializada, já que grande parte do mercado precisa desse tipo de serviço.

Duração do curso: 4 anos.

8. Engenharia Química

O engenheiro químico é preparado para trabalhar na concepção, no projeto, na construção e no gerenciamento de instalações de indústrias da área química — como as de alimento, petróleo, papel e celulose, entre outras.

É uma formação abrangente que permite atuar em diferentes setores, como projetos, produção, gerência, equipamentos, controle de processos, tratamento de resíduos etc. As especializações em gestão são boas recomendações para quem deseja alcançar posições de liderança.

Duração do curso: 5 anos.

9. Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Graduação de curta duração, forma um profissional bastante procurado no mercado de trabalho. É uma área voltada para criação, instalação e manutenção de sistemas de informação, objetivando melhorias de desempenho, funcionalidade e qualidade dos negócios.

Trabalha com soluções de softwares e modificações em processos, como informatização, criação de banco de dados e gerenciamento de equipes de desenvolvimento de sistemas.

É imprescindível que o profissional possua intimidade com as tecnologias e procure estar sempre antenada às tendências da área, especialmente para aplicá-las no seu trabalho e oferecer soluções mais significativas.

Duração: 2 anos e meio

10. Tecnólogo em Gestão de Qualidade

Carreira voltada para planejamento, operação, controle e avaliação dos processos e produtos, visando à gestão da qualidade — que é um valor inestimável para qualquer negócio.

O gestor deve ser capaz de implementar diretrizes normativas para as diversas certificações, além de planejar estratégias dos aspectos qualitativos do gerenciamento das empresas.

Dessa forma, o tecnólogo em gestão de qualidade precisa estar preparado para assumir diversas funções, como:

  • técnico de qualidade;

  • auditor de qualidade;

  • gerência de qualidade;

  • coordenador em controle estatístico da qualidade;

  • consultor de sistemas de gestão da qualidade.

Duração: 2 anos.

11. Tecnólogo em Logística

Essa formação rápida é uma das profissões em alta, pois empresas de diferentes setores buscam um controle maior sobre armazenamento, distribuição e transporte de suas mercadorias.

O tecnólogo em logística pode atuar com sistemas de logística, gestão de estoques, identificação de custos e processos de operação, além de importação e exportação para indústrias, comércio e setor de serviços.

Sua atividade é fundamental para que as empresas consigam otimizar os seus recursos e se mantenham competitivas no mercado. Para isso, é importante que o estudante busque desenvolver sua visão estratégica ao longo do curso e da sua atuação profissional.

Duração do curso: 2 anos.

12. Tecnólogo em Gestão de Recursos Humanos

O setor de Recursos Humanos ganhou um novo papel nas empresas, que vai muito além dos trâmites de contratação e demissão de funcionários. O tecnólogo em gestão de RH trabalha para buscar meios de melhorar o clima organizacional e a produtividade das equipes, o que resulta na melhoria do desempenho geral da instituição.

Para isso, é o profissional-chave que colocará em prática metodologias mais eficientes de recrutamento, seleção e retenção de talentos de acordo com as necessidades de cada ambiente de trabalho.

Outro papel fundamental é atuar na motivação constante dos colaboradores, preocupando-se em promover o bem-estar e a satisfação deles — e, consequentemente, impactando na sua performance.

Duração do curso: 2 anos.

13. Tecnólogo em Marketing

É difícil pensar em algum tipo de negócio nos dias de hoje que não precise de um bom planejamento de Marketing. Esse é um campo que ganhou ainda mais relevância nos últimos tempos, especialmente pelo crescimento dessa necessidade de as empresas se posicionarem no mercado e se comunicarem com o seu público.

Assim, o profissional que tem conhecimento na área tem ótimas chances de encontrar demanda para o seu trabalho. Uma vertente de destaque é o Marketing digital, já que a internet e suas ferramentas têm sido largamente utilizadas em todo o mundo.

O perfil ideal é aquele que une facilidade de comunicação com características como criatividade, empatia e proatividade. A ideia é fazer com que as ações de Marketing sejam uma vantagem competitiva para as empresas, ajudando no seu sucesso.

Duração do curso: 2 anos.

Agora é com você!

Você já tem informações sobre as profissões em alta no Espírito Santo. São cursos em ascensão no mercado de trabalho e carreiras com boa empregabilidade, mesmo para os recém-formados. Então, analise as opções e comece a pensar no seu futuro profissional desde já, investindo sempre em qualificação.

Gostou deste tipo de post? Aproveite para assinar a nossa newsletter! Acompanhando as nossas publicações, você vai permanecer informado sobre oportunidades do mercado e maneiras de alavancar a sua carreira!