Conheça a indicação de livros do Bill Gates para 2020!

É de se imaginar que um homem tão inteligente e bem-sucedido tenha bons conselhos para dar, não é verdade? Pensando nisso, decidimos apostar na indicação de livros do Bill Gates para aqueles que querem dicas valiosas de leitura.

Para quem não sabe, o dono da Microsoft tem o costume de divulgar no seu blog “Gates Notes” quais foram os livros que ele mais gostou de ler nos últimos tempos e faz isso cerca de duas vezes ao ano. Aliás, sua página pessoal é cheia de artigos interessantes sobre assuntos bem diversos e que fazem valer a pena a visita.

Quer saber quais obras ele indicou para os seus leitores? Confira a seguir!

A importância do hábito da leitura

A leitura é uma das melhores formas de buscar conhecimento para a vida, não somente para ser um profissional melhor ou aprender uma nova habilidade. Ler é uma atividade tão interessante e produtiva que ainda envolve benefícios distintos. A pessoa pode ler para se informar sobre um assunto, para estudar um determinado tema e também para se entreter com diferentes histórias reais ou fictícias.

Por essa razão é que dizem que ler é como abrir a mente. Você sempre consegue agregar alguma coisa depois de fazer uma boa leitura. Pode desenvolver sua criatividade e senso crítico, trazer à tona algumas memórias, adquirir vocabulário, conhecer outras realidades e aprender sobre inúmeras coisas. É como viajar no tempo e no espaço sem sair do lugar.

Não por acaso, saber ler é um dos principais objetivos educacionais na primeira infância, pois não deixa de ser uma maneira de se comunicar com o mundo. Porém, muita gente aprende a ler e não mantém esse costume, utilizando tal sabedoria apenas por obrigação (na hora de estudar e trabalhar, por exemplo) ou para as simples tarefas cotidianas.

Para se ter uma ideia, pesquisas indicam que as pessoas no Brasil leem, em média, a quantidade de 4,96 livros por ano. Desse número, cerca de metade das obras foi lida do começo ao fim, considerando ainda que isso nem sempre acontece por vontade própria. A conclusão de todos os dados é que esse não é um hábito do brasileiro.

Na verdade, essa é uma grande oportunidade desperdiçada, sobretudo porque a leitura é uma excelente ferramenta de autodesenvolvimento e cada um pode escolher como utilizá-la da forma que for mais conveniente, já que as decisões são individuais. 

Duas dicas relevantes para construir esse hábito são: escolher temas que combinem com seu perfil e criar a meta de reservar um tempo diariamente para dedicar à leitura. Se você tem pouco tempo livre, conhecer técnicas de leitura pode ser uma boa alternativa para facilitar a vida e não deixar esse compromisso de lado.

A indicação de livros do Bill Gates: confira abaixo!

Sabendo como é importante cultivar o hábito de ler no dia a dia, nada melhor do que contar com as recomendações de um expert. Veja a seguir quais são as obras que você deveria ler para começar bem 2020, segundo Gates.

Um casamento americano

Escrito por Tayari Jones, Bill conta que essa foi uma sugestão da sua filha Jenn. O livro é um romance um pouco pesado, mas envolvente e instigante. Os personagens principais formam um casal negro que passa por um terrível incidente, o que acaba separando os dois por um longo período e dando novos rumos para a vida deles.

Apesar de ter esse lado romântico e até trágico, a história é uma oportunidade para refletir sobre várias questões importantes. Inclusive, vale dizer que a leitura também é indicada por ninguém menos que Barack Obama e Oprah Winfrey.

These Truths: A History of the United States

Essa é uma dica somente para os que se interessam por História. São 800 páginas que revelam a formação dos Estados Unidos da América e toda a história do país, sendo “o relato mais honesto e inflexível” que Bill Gates revela ter conhecido. Para ele, mesmo aqueles que já conhecem bem o assunto vão aprender alguma coisa nova com este livro.

Por que nós dormimos: a nova ciência do sono e do sonho

Comportamento humano é uma das temáticas que atraem a atenção do empresário e ele destaca este livro como um dos melhores que leu dentro desse universo. Inclusive, ele recomenda a obra como ponto de partida para quem deseja ter um ano mais saudável. Em resumo, o autor Matthew Walker fala da importância de ter boas noites de sono e o que isso significa exatamente.

Prepared

A escritora desse título, Diane Tavenner, também é conhecida por ter criado uma rede de escolar de alto desempenho, sendo referência no mundo da educação norte-americana. Em seu livro, ela fala da sua experiência como educadora no sentido de os pais refletirem sobre preparar seus filhos para a vida e não somente para entrar em uma faculdade ou construir uma carreira. As páginas funcionam como um guia para fazer isso de forma tranquila e produtiva.

Growth

Antes de falar do livro, Gates sinaliza que Vaclav Smil é um dos seus autores favoritos de todos os tempos e que ele espera pelas suas publicações assim como as pessoas aguardam lançamentos de Guerra nas Estrelas. Ou seja, ele realmente gosta do escritor checo-canadense, que é um cientista político renomado.

Nesta obra, ele faz uma análise minuciosa do crescimento da natureza e da sociedade como um todo, passando desde os microrganismos até as megalópoles. Embora diga que não concorde com tudo o que está escrito, Bill confirma que o livro é ótimo e não decepciona.

Por fim, é claro que a indicação de livros do Bill Gates pode acabar não agradando a todos, ainda que as temáticas e estilos sejam bastante variados. O que importa é que você encontre sua vertente preferida e comece a incluir a leitura na sua rotina para usufruir dos benefícios.

Gostou de saber o que um dos homens mais ricos do mundo lê nas horas vagas? Aproveite para compartilhar este post nas suas redes sociais e espalhar a notícia para os amigos! Quem sabe você não causa uma boa influência, não é mesmo?!

Onde um engenheiro eletricista pode atuar? Conheça as possibilidades!

Se você gosta da área de exatas e tem interesse em trabalhar com energia, a carreira como engenheiro eletricista é uma ótima opção. O profissional pode atuar com o desenvolvimento e a manutenção de sistemas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, realizando o planejamento, a supervisão e a execução de projetos.

Além disso, a Engenharia Elétrica é indicada para quem procura uma área que está em alta no mercado, principalmente pela questão da sustentabilidade e da necessidade de pesquisa sobre fontes mais limpas de energia.

Quer entender melhor como é o mercado de trabalho para o engenheiro eletricista e em quais segmentos ele pode atuar? Continue a leitura deste post e saiba também qual é o perfil do profissional dessa área!

Como está o mercado de trabalho para a Engenharia Elétrica?

Há uma demanda alta pelo engenheiro eletricista nos setores público e privado, visto que ele tem o conhecimento e as habilidades para trabalhar com a obtenção, a geração e a distribuição de energia elétrica.

Dessa forma, o profissional encontra espaço em concessionárias de energia, usinas (hidrelétricas, termelétricas, entre outras), no setor de telecomunicações, nas indústrias em geral — principalmente aquelas com linhas de montagem automatizadas —, em fabricantes de equipamentos eletrônicos e até no setor hospitalar.

Nas concessionárias, ele é o responsável por dimensionar e fazer o monitoramento da transmissão de energia, além de gerenciar as subestações e garantir a qualidade e a eficiência na distribuição. Pode ainda atuar para que a geração seja mais limpa, de forma a reduzir os impactos ambientais.

Nas indústrias, esse engenheiro pode trabalhar para otimizar os processos industriais, de modo a aumentar a produtividade e reduzir custos com sistemas mais eficientes.

As preocupações dos governos e das empresas em relação à sustentabilidade também abrem boas perspectivas para esse profissional na área de energias renováveis.

Média salarial

Se você quer seguir carreira em Engenharia, a boa notícia é que a remuneração é bem atraente. De acordo com o site Vagas, o engenheiro eletricista tem um salário inicial de R$ 5 mil, que com experiência, pode chegar a mais de R$ 9 mil. Assim, a média salarial para essa área é de R$ 7,5 mil.

Quais são as possibilidades de atuação para um engenheiro eletricista?

A pessoa graduada em Engenharia Elétrica sai da faculdade preparada para atuar em diversos segmentos relacionados a projetos de energia. Dessa maneira, as disciplinas do curso são direcionadas para que o profissional saiba como planejar, construir e realizar a manutenção de sistemas de energia.

Ele pode atuar no desenvolvimento de componentes eletroeletrônicos, na implementação de projetos de instalações elétricas em edificações e até com a manutenção de equipamentos em hospitais e clínicas. 

Acompanhe a seguir os principais segmentos de atuação do engenheiro eletricista.

Telecomunicações

Uma área em alta é a de telecomunicações, em que o profissional atua na construção de sistemas de telefonia e de transmissão de dados. Há espaço ainda para trabalhar com a fabricação de aparelhos de telefonia.

Construção Civil

Muita gente não imagina, mas o engenheiro eletricista pode trabalhar na Construção Civil. Nessa área, ele fica responsável por projetar circuitos elétricos em obras e reformas, além de estar apto a elaborar plantas para indústrias de geração de energia.

Fornecimento de energia elétrica

As usinas contratam profissionais formados em Engenharia Elétrica para trabalhar no dimensionamento de turbinas e em sistemas de armazenamento e de transmissão de energia.

Automação

Nas indústrias, o engenheiro eletricista pode trabalhar com o planejamento e o desenvolvimento de estruturas de automação elétrica. Além disso, ele tem competência para realizar adaptações em planta elétrica de edifícios — para a implementação de sistemas automatizados.

Eletroeletrônica

O funcionamento de equipamentos depende do desenvolvimento de sistemas e componentes eletrônicos, e essa é uma atribuição do profissional formado nessa área. Ele cria placas eletrônicas para equipamentos de uso doméstico ou industrial.

Eletrônica

Sabemos da importância da eletricidade para o funcionamento de aparelhos e componentes que utilizamos no dia a dia, como celulares, micro-ondas e televisores. Dessa maneira, o profissional pode trabalhar com projeto e fabricação desses equipamentos.

Pode ainda atuar com microeletrônica, com projeto e fabricação de chips para sistemas computacionais, de telecomunicações, entre outros.

Desenvolvimento de hardware

Falando em equipamentos eletrônicos, um segmento com boa demanda é o de desenvolvimento de hardware para esses dispositivos. O engenheiro eletricista pode desenhar componentes e projetar sistemas.

Instrumentação

É um segmento em que o profissional cria instrumentos para otimizar o trabalho na engenharia. São dispositivos que podem fazer a mensuração e o registro de dados, como a medição da tensão em redes elétricas.

Setor hospitalar

A área de saúde também é uma tendência para o profissional, pois ele pode trabalhar com o desenvolvimento de programas de manutenção corretiva e preventiva para equipamentos hospitalares, como os utilizados em salas cirúrgicas. Pode ainda monitorar a qualidade de equipamentos elétricos em clínicas, laboratórios e hospitais.

Consultoria

Se preferir trabalhar como autônomo, o engenheiro eletricista pode ainda prestar consultoria para empresas na área de projetos de energia elétrica.

Qual é o perfil desse profissional?

Se você se animou com o futuro promissor para a área, vai gostar de saber qual é o perfil do engenheiro eletricista. Para se dar bem na carreira, é importante que o profissional tenha um olhar analítico e voltado para a resolução de problemas. Ele também precisa saber como trabalhar em equipe, se comunicar bem e ter senso de liderança, principalmente se atuar com a supervisão de projetos. 

Ter curiosidade, criatividade, organização, ser detalhista e saber como trabalhar sob pressão são habilidades importantes para crescer na carreira.

Por fim, é recomendado aprender um segundo ou terceiro idioma, fazer networking para ficar por dentro das melhores oportunidades profissionais e sempre se atualizar, especialmente quanto às novas tecnologias do setor.

Viu só como você pode ter uma carreira ascendente como engenheiro eletricista? Se você tem interesse na área, o melhor caminho é realizar o curso em uma instituição de ensino superior de referência, ou seja, que tenha uma infraestrutura completa, professores qualificados e uma grade curricular atualizada, como a UCL.

Quer ter uma profissão de sucesso e saber mais sobre essa graduação? Entre em contato com a nossa equipe para descobrir por que esse curso superior é a sua cara!