5 habilidades do profissional do futuro para você se preparar

A era digital vem modificando o mercado, o que exige uma nova postura e habilidades diferenciadas do profissional. As empresas buscam pessoas que estejam a par das tendências e possam inovar, contribuindo, dessa forma, para o crescimento do negócio.

O que é preciso fazer para se preparar e conseguir se destacar dos outros candidatos? Quais competências são esperadas do chamado profissional do futuro?

Se você também tem esses questionamentos, continue a leitura e descubra por que é fundamental se manter atualizado, além de 5 habilidades que você deve desenvolver para ter um diferencial competitivo e crescer na carreira. Neste post, mostraremos também a importância de se qualificar, principalmente com cursos de pós-graduação!

Necessidade de ficar por dentro das novidades

Seja qual for a sua área de atuação, se você quer ser um profissional do futuro, é essencial se manter atualizado. A todo momento surgem novos equipamentos, programas, materiais e processos, e você precisa estar a par dessas tendências.

A grande competitividade entre as empresas e a globalização do mercado fazem com que as organizações busquem candidatos que possam trazer algum diferencial e inovar, oferecendo soluções para os problemas.

Esteja aberto a novos aprendizados, fique de olho nas principais publicações da sua área, acompanhe eventos do seu segmento e, principalmente, faça networking, ou seja, aumente sua rede de contatos.

É muito importante conhecer outros profissionais, seja em feiras, palestras, cursos ou até mesmo por meio do seu perfil no LinkedIn. Assim, você troca conhecimentos e experiências e fica por dentro de oportunidades de trabalho e de novidades relacionadas ao seu nicho de mercado.

5 habilidades do profissional do futuro

Quer saber como se preparar para ser um profissional do futuro? Confira a seguir as 5 principais competências que você precisa desenvolver.

1. Inteligência emocional

Quando pensamos no mundo digital, com processos automatizados e conectados, talvez a primeira ideia é que você precisa ter um bom currículo, com formação e habilidades técnicas, para conseguir boas oportunidades, não é mesmo?

Saiba que o mercado de trabalho espera dos profissionais nova postura e competências ligadas ao comportamento. Uma delas é saber trabalhar utilizando a inteligência emocional. É ser aquele profissional que conhece suas emoções e as das pessoas com as quais convive, de forma a praticar a empatia e proporcionar um clima organizacional mais tranquilo.

Também tem a capacidade de pensar antes de falar, evitando dar uma “resposta atravessada” para o colega de trabalho no impulso, por exemplo. Além disso, consegue lidar bem com as frustrações, enxergando erros e dificuldades como uma forma de aprendizado.

2. Criatividade

As empresas enfrentam desafios diários e, para crescer, precisam de profissionais que consigam enxergar soluções diferentes para os problemas. Em outras palavras: precisam de profissionais que tenham a capacidade de “pensar fora da caixa”.

Em meio a tantas oscilações da economia, os gestores valorizam pessoas que saibam colocar o negócio à frente da concorrência, mesmo em meio a momentos de crise. Os profissionais criativos conseguem enxergar além dos padrões estabelecidos e, assim, se destacam por inovar.

3. Liderança

Saber como fazer gestão de pessoas de forma eficiente também é uma característica do profissional do futuro. Para exercer a liderança é necessário conhecer seu time, saber como delegar tarefas, acompanhar o desempenho de cada colaborador, além de ter a capacidade de motivar e inspirar toda a equipe.

O líder é também proativo, ou seja, consegue antecipar cenários e está sempre de olho em tendências e oportunidades. Sem contar que busca qualificação contínua para poder se aprimorar cada vez mais.

4. Tomada de decisões

Cada vez mais, vivemos diante de uma avalanche de informações. O profissional deve saber interpretar todos os dados e conhecer bem sua área de atuação, para ter a capacidade de definir estratégias e tomar decisões. É uma habilidade que exige concentração e pensamento analítico, para que seja possível ter insights, mesmo em cenários mais complexos.

5. Flexibilidade

Se o mercado muda a todo momento, o profissional também precisa estar preparado para as mais diversas situações. É fundamental ser flexível, não ter medo de se arriscar para conhecer novas áreas e tecnologias ou ainda estar aberto para trabalhar com pessoas de gerações e formações diferentes da sua. Aliás, essa é uma boa oportunidade de trocar conhecimento e adquirir novos aprendizados.

Busca por capacitação contínua

Como adquirir essas habilidades que o profissional do futuro deverá ter? Só a experiência de trabalho é suficiente para conseguir se diferenciar? Não! O importante é nunca parar de estudar, buscando sempre novas capacitações para acompanhar o dinamismo e as inovações do mercado de trabalho.

A formação que o curso de graduação proporciona é essencial para você dar o primeiro passo na carreira, mas, para se destacar, é imprescindível adquirir e reciclar seus conhecimentos com cursos de pós-graduação — como MBA e especialização.

Importância de fazer uma pós-graduação

Esse tipo de curso vai preparar o profissional do futuro para os desafios do mercado de trabalho — tanto para quem quer fazer carreira em uma empresa quanto para aqueles que querem empreender.

Não adianta, entretanto, fazer qualquer curso — é importante buscar instituições de ensino de referência, como a UCL, que conta com boa infraestrutura, inclusive de laboratórios, e com um corpo docente de qualidade.Além disso, tem a preocupação de oferecer em seus cursos uma grade curricular completa (que une teoria e prática) e atualizada, para que o profissional esteja preparado para as melhores oportunidades do mercado, alcançando, assim, as vagas mais cobiçadas e os salários mais atrativos. 

Fazer uma pós-graduação também é importante para quem busca atuar em um novo segmento ou para quem deseja abrir o próprio negócio.

Agora que você já conhece as principais habilidades do profissional do futuro, pode começar a se preparar. A dica é fazer um plano de carreira que priorize a qualificação, para que você possa atender a todas as exigências do mercado e, desse modo, construir uma carreira sólida.

E aí? Ficou interessado em investir na sua formação? Então conheça os cursos de pós-graduação da UCL e escolha aquele que mais se aproxima do seu perfil e das suas expectativas profissionais!